Alimentação e Sono

Já é sabido o quanto o sono é importante para nossa saúde não é?

Uma noite não dormida ou poucas horas de sono (menos de 6 horas) impacta diretamente na nossa alimentação, prejudicando na da escolha dos alimentos. A necessidade de comer alimentos energéticos como doces e estimulantes como produtos que contém cafeína aumenta bastante, pois são esses alimentos que vão manter acordado.

Por outro lado se tivermos uma noite boa de sono (6 a 8 horas) diminui a necessidade de alimentos estimulantes, assim conseguimos escolher melhor os alimentos para consumo.
É importante falar também e investigar, que a sonolência pode vir de condições diversas como anemia, hipotireoidismo, depressão, apneia do sono entre outras causas. Procure uma equipe multi disciplinar para avaliação.
Agora vamos falar sobre como os alimentos podem ajudar a ter uma boa noite de sono?

Se alimente bem, evitando pular refeições. Isso evitará fadiga e falta de concentração durante o dia. Hidratação é bem importante, pois é o principal componente do sangue gerando otimização do transporte de nutrientes para o corpo especialmente o cérebro. Use chás como de camomila e passiflora antes de dormir. Eles tem ação calmante e vão ajudar a dormir melhor.

Consumir alimentos que auxiliam na produção de melatonina (Hormônio do sono) como ovos, leite, carne, uva, cereja, morango, cereais como aveia trigo e cevada e oleaginosas como as castanhas.

Para distúrbios de sono é fundamental o acompanhamento de equipe multi para um tratamento individual e definitivo.

Texto da nossa nutricionista Dra. Luanda Giove Braga

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *