Como Evitar o Reganho de Peso Após a Cirurgia Bariátrica

A cirurgia bariátrica é um procedimento médico utilizado quando o indivíduo com nível de obesidade bem alto já não consegue mais manter um tratamento com resultados efetivos há pelo menos dois anos, além de possuir um índice de massa corporal maior que 35k g/m² com presença de problemas de saúde associados.
Após a cirurgia bariátrica, é esperado pela equipe que o indivíduo, com instrução e acompanhamento frequente e adequado, consiga reduzir o excesso de peso de forma contínua e gradual.

A Nutrição possui com aspecto fundamental mesmo depois da reintrodução dos alimentos, para, junto com o paciente, aliar a suplementação de vitaminas, que deverá ser feita com frequência e regularidade. Além disso, reestruturar sua alimentação para evitar qualquer tipo de carência de nutrientes ou de proteínas, em conjunto com a adoção de medidas que melhorem seu estilo e qualidade de vida. E aqui estamos falando de mudança de comportamento, que deverá ser trabalhada desde antes do procedimento cirúrgico.
A técnica cirúrgica muda conforme o caso, mas as orientações nutricionais básicas vem de encontro com a redução do consumo de produtos ultra processados industrializados, alimentos com grande índice de açúcar e/ou de gordura, pois estes irritam a mucosa do estômago. Ainda, com volume alimentar menor e fracionamento das refeições maior, já que a capacidade gástrica estará menor e consequentemente, a absorção de vários nutrientes como vitaminas, minerais e enzimas digestivas também.

O reganho de peso surge quando alguma dessas etapas não está fortalecida, principalmente no fator alimentar e na falha da suplementação de vitaminas, pois elas são uma das responsáveis pela regulação da fome, do apetite, da taxa metabólica basal, do metabolismo e armazenamento dos lipídios e carboidratos, das funções hormonais da tireoide e suprarrenais.

Logo, se você passou por uma cirurgia bariátrica e percebe que está reganhando peso, ou se você quer evitar chegar nesse ponto, procure um Nutricionista responsável a te ajudar na mudança de comportamento alimentar, para que juntos vocês descubram o quanto antes o que está falhando.
Lembre da importância de ter o suporte do Psicólogo ao seu lado também, para ajudar a te motivar a chegar ao seu objetivo, e te auxiliar no automonitoramento. Caso seja necessário, realização de exames e medicamentos prescritos pelo Psiquiatra te ajudarão a retomar o controle de estímulos e darão aquela forcinha para sua reorganização e planejamento.

Com o suporte de uma equipe multidisciplinar você tem ferramentas para se tornar ativo no seu processo de manter a perda de peso e controle de estímulos e ter sucesso na cirurgia a curto, médio e longo prazo, com segurança.

Texto da nossa nutricionista Dra. Cassia Helena Maia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *